Sociologia da Literatura: tradições e tendências contemporâneas

Paulo Cesar Alves, Andréa Borges Leão, Ana Lúcia Teixeira

Resumo


O presente artigo tem como objetivo  traçar  um rápido panorama histórico dos principais vetores teórico-metodológicos desenvolvidos no  que  é usualmente chamado de  “sociologia da  litera- tura”.  Em primeiro lugar,  chama atenção para  a crescente produção bibliográfica sobre  essa temática. Identifica três  grandes tendências nesses estudos: a “estética sociológica”, a “crítica literária” e a “pesquisa histórica”. Por último, analisa as reviravoltas teóricas ocorridas nos fins do Século XX (as “novas  sociologias”) e suas  implicações para  a constituição de uma  área  de pesquisa sobre  literatura. Nessa  perspectiva, o principal interesse é compreender as diferentes práticas envolvidas nos distintos trajetos que enfeixam o fenômeno “literário”. A maior  inserção dos  trabalhos sobre  literatura nos  cursos de sociologia tem  contribuído para  que  essa  área  de pesquisa se torne  mais  autônoma, uma  autonomia resultante das  interseções entre  diferentes áreas  das ciências humanas e sociais.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.20336/rbs.241

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista Brasileira de Sociologia - RBS

ISSN Impresso: 2317-8507

ISSN Eletrônico: 2318-0544


Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons 4.

Indexado por:

 Hispanic American Periodicals Index

INDEX h5 

h5-index 8  /  h5-median 13