Uma comissão nacional de ética em pesquisa, as ciências biomédicas e as ciências humanas: trespassing à brasileira

Luiz Antonio de Castro Santos, Leila Jeolás

Resumo


O texto revela  a preocupação dos cientistas sociais  brasileiros com as resoluções do Conselho Nacional de Saúde sobre  a ética  na  pesqui- sa. Desde  1996,  o Conselho Nacional de Saúde (CNS) e a Comissão Nacional de  Ética  em  Pesquisa (Conep)  procuram criar  o controle, burocrático e autoritário, sobre  as áreas  de atuação das  Ciências So- ciais  e Humanas. Trata-se de  um  caso  ilegítimo de  “trespassing” na história da comunidade científica brasileira. A noção  de “trespassing” remete à necessária transdisciplinaridade das ciências; ao diálogo  e à intersubjetividade; à narrativa plural e à “aventura”. Contudo, o arti- go lamenta a transgressão “à brasileira” – quando o necessário diálogo entre  campos do conhecimento cedeu lugar à imposição de normas e condutas pela  bioética. Chama-se a atenção para  o equívoco insaná- vel, que  consistiu na transposição “oficial”,  para  o terreno do social, de um código de ética aplicável à pesquisa clínica e aos experimentos em humanos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.20336/rbs.102

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista Brasileira de Sociologia - RBS

ISSN Impresso: 2317-8507

ISSN Eletrônico: 2318-0544


Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons 4.

Indexado por:

 Hispanic American Periodicals Index

INDEX h5 

h5-index 8  /  h5-median 13