Carnaval e Religião em desfile: imagens como produções/ferramentas sociológicas

Por Juliana Baptista Pereira, mestranda do Programa de Pós-graduação em Memória Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (PPGMS/ UNIRIO) e integrante do Observatório do Patrimônio Religioso da UNIRIO

Neste post, trazemos um pouco mais da série dos premiados no Sociólogos do Futuro do 20º Congresso de Sociologia. Juliana Baptista Pereira analisa os entrecruzamentos entre Cultura, Política e Religião a partir da proposta temática defendida pelo carnavalesco Leandro Vieira, no enredo A verdade vos fará livre para a estação primeira de Mangueira em 2020 e de outros episódios da história dos carnavais[1].

Continue lendo

Nova direita brasileira: apontamentos sobre a propaganda política durante o período de pandemia do Covid-19

Por Thyffane Tayana Martins da Rocha (Discente do curso de Ciências Sociais UFPA) e
Joranny Munhoz Gomes (Discente do curso de Ciências Sociais UFPA)

Este post abre uma série em que apresentamos os trabalhos premiados na modalidade Sociólogos do Futuro do 20º Congresso Brasileiro de Sociologia. Nele, Thyffane Tayana Martins da Rocha e Joranny Munhoz Gomes apresentam resultados da pesquisa que conduziram sobre a relação entre a atitude negacionista dos youtubers de extrema direita e a racionalidade neoliberal ao longo da pandemia de COVID-19.

Foto: https://www.google.com/amp/s/veja.abril.com.br/blog/maquiavel/por-que-os-evangelicos-resistem-a-vacina-contra-a-covid-19/amp/
Continue lendo

A urdidura de um projeto coletivo: memórias de lutas na constituição de trabalhadores e militantes sindicais.

Por Marilda A. de Menezes[1] (UFABC) e
Jaime Santos Júnior[2] (UFPR)

Neste post, Marilda Menezes e Jaime Santos Júnior apresentam a experiência da pesquisa coletiva “Memórias Brasileiras: Conflitos Sociais”, que resultou no livro Movimentos cruzados, histórias específicas: estudo comparativo das práticas sindicais e de greves entre metalúrgicos e canavieiros. Destacam como a experiência de um projeto com a participação de vários pesquisadores propicia, como trunfo, o cruzamento de matizes interpretativas.

Continue lendo

Espaços periféricos: política, violência e território nas bordas da cidade

Por Matthew Aaron Richmond, Moisés Kopper, Valéria Cristina de Oliveira e Jaqueline Garza Placencia

Neste post, os organizadores do livro Espaços periféricos detalham o processo de construção desta obra coletiva e como ela contribui, a partir de pesquisas realizadas em Sapopemba, para atualizar o debate sobre espaços periféricos no Brasil à luz das muitas transformações socioeconômicas e políticas vividas a partir dos anos 2000.

Continue lendo

Efeitos da pandemia na vida de famílias de baixa renda: apontamentos preliminares

Camila Pierobon (IPP/CEBRAP),
Paula Lacerda (UERJ) e

Taniele Rui (Unicamp)

Neste post, as autoras Camila Pierobon, Paula Lacerda e Taniele Rui trazem os primeiros resultados da pesquisa que tem acompanhado de modo sistemático o cotidiano de famílias urbanas de baixa renda para compreender que tipos de efeitos sociais a pandemia de COVID-19 vem produzindo em suas vidas e quais decisões domésticas estão sendo tomadas para enfrentar os problemas que surgem no cotidiano.

Continue lendo

Universo canavieiro, trabalho e meio ambiente

Por Rodrigo Constante Martins (UFSCar)
Wendell Ficher Teixeira Assis (UFAL)
Beatriz Medeiros de Mello (IFAL)
Tainá Reis (UFSCar)

Neste post, os autores revelam como na esteira de expansão da monocultura, diferentes regiões do país tiveram a história política e agrária marcadas pela força social da casa grande, do latifúndio canavieiro, das usinas e, contemporaneamente, do setor sucroalcooleiro.

Foto: Márcio Pimenta
Continue lendo

Sociologia de Du Bois, Modernidade Racializada e Agência

Por Silvio Matheus Alves Santos

Pesquisador de Pós-Doutorado no Departamento de Sociologia – IFCH/UNICAMP.

Neste post, Silvio Matheus Alves Santos escreve sobre o livro The sociology of W.E.B. Du Bois: racialized modernity and the global color line (New York: New York University Press. 2020, 304p.) de José Itzigsohn e Karida L. Brown.

Continue lendo